2007-10-22

História de Irecê - Criação do Município

O título de fundador de Caraíbas é atribuído a Aristides Rodrigues Moitinho, que juntamente com Teotônio Marques Dourado Filho e com o Cel. Terêncio Dourado, chefe de polícia da Bahia, conseguiram criar em 1906 um distrito de Paz de subdelegacia de Polícia de Morro do Chapéu, com a denominação de Caraíbas.

A criação do município de Irecê foi revogada, por força do Decreto Lei Estadual 7.479, assinado em 8 de Julho de 1931, no Palácio do Governo, por Arthur Neiva – Bernardino José de Souza.

Irecê voltou a ser o que era antes: uma simples vila de Morro do Chapéu.

Irecê continuou sendo vila de Morro do Chapéu até a assinatura do Decreto Lei Estadual, nº 8.452, de 31 de maio de 1933, assinado no Palácio do Governo por Juracy M.M. Magalhães.

31 de maio de 1933 é a data em que se comemora o aniversário de Irecê, pois nesta data o lugar saiu da condição de vila.

Houve a instalação do município, foi feito o primeiro orçamento municipal e Irecê conquistou em definitivo plena autonomia político-administrativa.

(Fonte: livros do escritor Jackson Rubem : Irecê: História Casos e Lendas, 2ª Ed.; Irecê, Um Pedaço Histórico da Bahia; Irecê, A Saga dos Imigrantes e Brasileiros Pré-Cabralianos (Brazilians Before Cabral)

Nenhum comentário:

Arquivo


Ocorreu um erro neste gadget