2008-01-31

Uso de tecnologia dará mais segurança ao carnaval de Salvador

As ocorrências nos circuitos oficiais do Carnaval de Salvador (Dodô, Osmar e Batatinha) serão monitoradas em tempo real pelo Centro Integrado de Informações – Carnaval 2008 (CI/2008), que foi visitado hoje (30) pelo governador Jaques Wagner. O centro vai funcionar de amanhã a 6 de fevereiro, com reuniões diárias, produção de relatórios e avaliação final. Além de coletar, ele será responsável pelo repasse das informações produzidas para a imprensa, que podem ser acessadas pelo www.carnaval2008.ssp.ba.gov.br ou pelo telefone (71) 3116-7825.

Para facilitar a comunicação em tempo real, foram instaladas 106 câmeras e criado um canal eletrônico que vai alimentar o CI/2008. O centro é formado por uma sala de reuniões, uma de monitoramento de câmeras e GPS e uma central de inteligência, constituída de 20 terminais distribuídos entre diversos órgãos, como a Secretaria Estadual da Segurança Pública, a Prefeitura Municipal de Salvador, o Juizado Especial da Infância e Juventude e a Superintendência Regional da Polícia Federal.

Segundo o superintendente de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, as câmeras chegam a ter um alcance de 600 metros, “com boa definição”. No Circuito Dodô (Barra/Ondina), onde o projeto piloto será utilizado, são 32 câmeras portáteis, distribuídas entre os trios e outros pontos, 29 sem fio, que permitem um posicionamento mais distante do CI/2008, e outras 45 convencionais.

“Com isso, será muito difícil que alguém consiga escapar ou se esconder. As imagens nos chegam on-line e orientamos os policiais, também em tempo real, para a solução do problema”, explicou Teles Barbosa.

Melhoria da qualidade

O secretário da Segurança Pública, Paulo Bezerra, destacou que a tecnologia melhora a qualidade das ações prestadas. Para ele, os 1.250 rádios de comunicação dotados de GPS que serão utilizados permitem ao policial que faça sua ocorrência e comunique em tempo real ao CI/2008, dando a posição do fato e a delimitação do território.

“É importante observar que isso deve concorrer para o aumento do número de ocorrências registradas, o que não quer dizer que vai haver um aumento na violência, mas, ao contrário, que a segurança está mais eficiente”, declarou Bezerra.

O governador disse que o Carnaval da Bahia está repetindo, em outra dimensão, o esquema de segurança e comunicação que foi utilizado durante os Jogos Pan-americanos, no Rio de Janeiro.

“Está tudo pronto para proteger quem vem brincar dos que têm a intenção de cometer algum delito. Espero que o Carnaval baiano seja, como sempre, a maior festa popular do mundo realizada a céu aberto e que este ano possa se caracterizar como o mais pacífico dos últimos tempos”, afirmou Wagner.

Nenhum comentário:

Arquivo


Ocorreu um erro neste gadget