2008-02-22

Bahia participa de encontro sobre turismo étnico-afro nos EUA

A Secretaria Estadual de Turismo (Setur) e a Bahiatursa estão participando em Atlanta, Estados Unidos, do Encontro sobre Turismo Étnico-afro. O objetivo é a promoção no mercado norte-americano da Bahia como destino turístico e conta com 35 agentes de viagem especializados no mercado afro-americano, filiados à associação Travel Professionals of Color (TPOC), jornalistas e a representante da prefeitura de Atlanta, Shirley Franklin.

O diretor da operadora baiana Tatur, Conor Sulivan, representando a Associação Baiana de Receptivo (Abre) no evento, destacou a relevância da cultura da Bahia para o mercado afro-americano. Já o presidente da Associação Baiana de Agentes de Viagem (Abav), Pedro Costa, reafirmou a importância desse segmento para a economia do turismo no estado.

Durante reunião, algumas ações foram agendadas, como um fam trip com as 12 maiores agências desse segmento e um press trip com jornalistas e editores afro-americanos, além de iniciativas conjuntas para promover o setor.

Portal de atração

Ontem (21), foi realizado um café da manhã, no Hotel Indigo, com o cônsul brasileiro na Geórgia, embaixador Adalnio Senna Ganem. Na ocasião, ficou acertada a realização de um evento cultural, em junho, na Feira de Investimentos de Atlanta, para comemorar a abertura do consulado brasileiro na Geórgia, que pretende tornar a Bahia portal de atração de turistas para o Brasil nesta nova fase das relações diplomáticas do país com a região sul dos EUA. O cônsul nasceu em Lençóis, na Chapada Diamantina, e disse estar motivado e orgulhoso de promover a Bahia nos Estados Unidos.

Foi acertada também a organização de uma missão técnica da prefeitura de Atlanta para uma visita, ainda este ano, à Bahia e de um festival étnico-afro, no segundo semestre, em Atlanta, com a participação de um grupo musical baiano.

Hoje (22), aconteceu um café da manhã no World Trade Center – o maior centro de negócios internacional da Geórgia –, com a presença de 30 empresários e investidores americanos, que foram informados sobre os principais destinos turísticos da Bahia.


uas/om

Nenhum comentário:

Arquivo


Ocorreu um erro neste gadget