2008-05-16

A inauguração da sede da Uneb em Irecê concretiza o sonho de milhares de pessoas

Professores, estudantes e funcionários do Campus XVI da Universidade Estadual da Bahia (Uneb), em Irecê, não disfarçavam o entusiasmo com a inauguração da primeira sede própria da instituição na região, ocorrida na manhã desta quinta-feira, 15.

“Temos de fotografar tudo”, enfatizava a professora Conceição Araújo, diretora da Direc 21. A animação é justificável. Desde que foi desvinculado do núcleo de Paulo Afonso, há dez anos, o Campus de Irecê nunca teve sede própria.

O prédio, construído numa área de dois mil metros quadrados à margem da Estrada do Feijão, um pouco antes da entrada da cidade, vai abrigar o Departamento de Ciências Humanas e Tecnologias, além do pavilhão administrativo.

O Campus XVI atende a 19 municípios da região, com cerca de 900 alunos em formação nos cursos de letras e pedagogia. Há também o curso de Administração à distância, ministrado para funcionários do Banco do Brasil e da Direc, e o Programa de Formação de Professores com Licenciatura em Pedagogia (Proesp) , realizado em parceria com os municípios de São Gabriel, Ibititá e Lapão.

Ancelmo Machado, estudante do 8º semestre de pedagogia, lembrou que, em dez anos, a Uneb de Irecê passou por vários prédios cedidos ou alugados e muitos deles eram inadequados. “Esse novo campus é muito bom para todos nós, estudantes, professores e funcionários, e vai facilitar para que Irecê se torne um pólo universitário para a região”, disse ele.

As novas instalações seguem um padrão ambientalmente sustentável e possuem arquitetura politicamente correta, com plataforma de elevação e banheiros para portadores de necessidades especiais, espaço de convivência arborizado, com espécies nativas e estação de tratamento de esgoto, onde a água das pias e vasos sanitários será tratada para reutilização na rega do jardim. Há ainda quadra poliesportiva, laboratório de informática, biblioteca, auditório e oito salas de aula.

Magali Carvalho, aluna do curso de Letras, avaliou o novo campus como uma conquista para os alunos: “Lutamos por isso também e o novo espaço é ótimo, mas vamos precisar de mais salas para a implantação de outros cursos”.

Mais cursos

A diretora do Campus XVI, Deyse Lago, explicou que a demanda da comunidade por novos cursos é grande, mas que o prédio do Departamento de Ciências Humanas e Tecnologias foi construído para atender as necessidades atuais. Mais tarde, em discurso, se emocionou ao relembrar a batalha pela construção do campus, que envolveu a todos: “ Inaugurar esse espaço no governo que tem como princípio de gestão a participação de todos é para mim uma honra, esperança e gratidão. Gratidão principalmente por reconhecer a sensibilidade de um governante que entende que o ensino superior é necessário para minimizar as desigualdades sociais”.

Na comitiva do governo que foi à Irecê para a inauguração, o secretário da Educação, Adeum Sauer, anunciou a criação de nove cursos de graduação à distância para a Bahia, aprovados pelo governo federal. E explicou que novos cursos de nível superior na Uneb estão suspensos temporariamente para a melhoraria da infra-estrutura dos cursos já existentes nos 24 Campi da instituição. “Vamos ampliar sim, mas com planejamento e qualidade”, explicou.

O governador Jaques Wagner listou uma série de obras em andamento na cidade, como a construção do hospital de Irecê, a criação da escola técnica federal Cefet , a estrada Irecê-Barra do Mendes e a retomada do Centro de Abastecimento.

“Eu tenho um carinho especial por essa região”, disse o governador para uma platéia atenta, ainda que sob o sol escaldante do meio-dia.


mml/is

Nenhum comentário:

Arquivo


Ocorreu um erro neste gadget