2008-06-30

Começa hoje a operação Dois de Julho

A partir de segunda-feira (30) até o dia 5 de julho, período alusivo às comemorações da Independência da Bahia, a Polícia Militar da Bahia dará início a Operação Dois Julho, que tem como objetivo garantir a segurança e a ordem pública, além de exercer os valores patrióticos durante as festividades. A Operação contará com efetivo de 1.324 policiais militares das diversas Unidades da PM.

O efetivo começa a ser empregado no dia 30, na escolta do fogo simbólico, que parte do Município de Cachoeira, passando pelos municípios de Santo Amaro e São Francisco do Conde. Já na terça-feira (1) passará pelos municípios de Candeias e Simões Filho, chegando a Salvador, bairro de Pirajá. No trajeto, a Unidade Operacional da PM de cada município ficará responsável pelo deslocamento do fogo simbólico.

Durante o desfile, a Polícia Militar será representada por comissões de oficiais e praças da PM; cadetes da Academia de Polícia Militar; alunos do Colégio da Polícia Militar e cavalarianos do Esquadrão de Polícia Montada.

No percurso da festa - Bairro da Lapinha até o Campo Grande - policiais militares de serviço vão atuar em barreiras, patrulhas e em rádio patrulhamento (policiamento motorizado), visando controlar possíveis ocorrências delituosas.

A operação contará também com o Grupamento de Bombeiros (Salvar), que acompanhará o cortejo com o apoio de duas viaturas do tipo ambulância, nas quais prestarão assistência de socorrismo dispostas em dois pontos base: uma no Panteon do General Labatut (Lapinha), que acompanhará o cortejo, e outra no Campo Grande.

No período da tarde, a Banda de Música Maestro Wanderley animará o cortejo que vai da Praça da Sé ao Campo Grande. Com o final da operação, prevista para sábado (5), o policiamento estará a postos para garantir a segurança no retorno das imagens do Caboclo e da Cabocla de volta ao Bairro da Lapinha.

Nas/al

Nenhum comentário:

Arquivo


Ocorreu um erro neste gadget